Duas vidas, dois destinos

Jacob have I loved
de Katherine Paterson
Tradução de Ana Maria Machado
ed. Moderna
2006. 230 pp.

Duas vidas, dois destinos é um livro que trata da passagem infância, adolescência, idade adulta. E Katherine Paterson, nesta obra publicada originalmente em 1980 e bem traduzida para o português por Ana Maria Machado, faz isso de maneira envolvente, despertando a sensibilidade do jovem leitor e uma reflexão sobre seu próprio amadurecimento.

Uma aldeia de pescadores na baía de Chesapeake, leste dos Estados Unidos, é o ambiente em que se desenrola a história de Sara Louise, uma menina cuja irmã gêmea é o centro das atenções da família e da pequena comunidade metodista da ilha Rass. Do ponto de vista de Wheeze, apelido pelo qual é conhecida e que não lhe agrada nem um pouco, sua irmã Caroline teria recebido sempre maior dedicação, mais mimos. Tendo nascido alguns minutos após Sara Louise, acreditou-se que não sobreviveria, o que teria feito a família com se interessar mais por ela. Isto, é claro, só aumenta a ansiedade, as angústias e a insegurança da protagonista.

Ao contrário de Caroline, feminina, suave, cantora talentosa e segura de si – e talvez para escapar de uma possível comparação –, Sara Louise passa o tempo pescando caranguejos e siris com seu amigo Call ou com o pai. “Call e eu fazíamos uma dupla e tanto. Com treze anos, eu era alta, tinha ossos largos, e vivia cheia de sonhos de beleza e romance. Ele, com catorze, era atarracado, usava óculos e não podia ser menos sentimental.” É justamente desse conflito entre duas personalidades tão diferentes que surgem os diálogos mais interessantes do livro, que conferem à obra certa suavidade, apesar das angústias da protagonista, aumentadas pela presença muitas vezes cruel de sua avó.

O livro mostra o amadurecimento pessoal e o despertar da sexualidade em Sara Louise, e aborda bem os conflitos da menina, inteligente e sempre questionadora, com a religião metodista, sem simplificações ou estereótipos.

A vida da protagonista começa a mudar quando sua irmã abandona a ilha para estudar música. É nesse momento que Sara Louise, vendo o exemplo de Caroline e indignada com o destino monótono da mãe, é levada a repensar seus sonhos e valorizar mais a si mesma. Até que, literalmente, uma palavra dita por sua mãe a libertará de todas as amarras, fazendo-a trilhar um caminho que ela jamais imaginara ser possível para Wheeze.

A tradução de Ana Maria Machado, também consultora da edição brasileira, recebeu o prêmio Astrid Lindgren de 2006 e o romance foi vencedor da medalha John Newbery em 1981, concedida anualmente pela Divisão Infantil da Associação de Bibliotecas Americanas (EUA).

Reconhecimento mais que merecido a uma história sensível, profunda e emocionante, que não faz recomendações ou julgamentos e, em momento nenhum, subestima capacidade do jovem de desfrutar o que a ficção literária tem de melhor.

About these ads

80 comentários sobre “Duas vidas, dois destinos

  1. acabei de ler este livro, chorei de emoção e de raiva tbm, enfim, só não capitei mto bem a ultima frase do livro, quem falou(cantou)? e Ela se sentiu daquele jeito? Foi por causa q ela lembro da historia dala?

  2. Olha eu tenho apenas 14 anos, sou uma estudante de Ensino Médio que ainda não sabe nada disso que todo mundo chama de vida, mas lendo esse livro eu me perdi um pouco, é que o final me abalou muito … ela conseguiu ou não realizar os sonhos dela??? E no final ela fica ou não feliz com o pouco que conquista??? Não sei mas particularmente adorava a ideia de Sara Louise e Call.

    • Cristina, obrigada pelo comentário! Mas literatura é assim mesmo, não é? É como a vida. Nem sempre as respostas estão claras, ou os rumos definidos. O que importa é que, quando a gente termina de ler um bom livro, se sente diferente de alguma maneira, e aí já valeu a pena. Um abraço e boas leituras!

      • Com certeza. Também estou no Ensino Médio, e o assunto que estou estudando em português é literatura. Ler é uma coisa muito prazerosa, eu sempre leio quando quero fugir do mundo ao meu redor. Quando lemos entramos em um mundo diferente, indescritível!!!

  3. Eu li o livro “Ponte para Terabithia” e é um livro muito bom.
    E eu agora eu vô ler esse livro “Duas vidas, dois destinos”. Espero que também seja bom como Ponte Para Terabithia.

  4. Muito bom esse livro, li todinho, só que ele é muito detalhado e as vezes cansativo. Mas valeu apena, pela que a Wheeze não ficou com o Call no final.

      • idiota vc não deve nem ter lido o livro todo
        para deixar esse comentário solene …

      • Meu amigo respeito é tudo sábia?! Vc tem tdo direito de não gostar do livro, mas então pelo menos justifique e não use essa palavra ridicula, que ñ quer dizer nada!!!

  5. Quem disse nos comentários que não gostou do livro, só pode ser aquele tipo de aluno que faz tudo na marra, e passa suado no final do ano, esse livro é ótimo pra quem é adolescente, além de mostrar como superarmos as barreiras que a vida nos impõe, OMG eu recomendo mto mesmo esse livro, mto bom pra quem é adolescente

  6. não tem como uma adolescente ler esse livro e não gostar!!!! Ele é otimo e motivante por isso recomendo que vc também leia! bjss….

  7. cara o livro é bom d+
    só que é mt grande e dá preguiça de ler.
    eu o li em 5 dias mas só li pq fiquei emocionada com a história e achei o início super interessante.
    mt mt mt mt mt bom adoreiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii
    a katerine peterson tah de parabens por suas obras!!!!

  8. Li o livro recentemente e gostei muito da história, as vezes estressava um pouco com todo o “ciúme” de Wheeze, e não gostei de Call ter se casado com Caroline, mas o destino de Sara Louise foi muito melhor que o de Caroline (acredito eu) é uma história muito bonita…

  9. Li o livro e amei…agora tenho que fazer um resumo.
    Mas recomendo o livro para as pessoas romanticas,paciente em saber qual é o final da história e que realmente gostam de ler.Pois ler é muito bom principalmente por conta própria!
    AmeiAmei&Amei

  10. eu amei o livro
    quase chorei na parte que ela vai desabafar com a mãe dela
    muito lindo o final
    é meio estranho quado ela se apaixona pelo o capitão

  11. Esse livro é uma merda.
    Tenho que fazer um resumo dessa bosta pra amanhã e até agora ainda não tive coragem de ler.
    Por isso tô procurando o resumo na internet.
    Facilitou muito a minha vida ;)
    É um livro muito comprido , com a história cansativa , e que não fala nada com nada. :D
    Beeijos. ;*

  12. muito bom
    só fiquei traumatizado com o casamento de call com caroline
    e o de sara com joseph
    Pensava que sara ia ficar junto com o call
    fiquei meio triste, ai sim compreendi o titulo
    2 vidas 2 destinos
    é um ótimo livro, recomendo a todos que tenham tempo para ter uma leitura prazerosa.

  13. aff!que nao esta gostando do livro é melhor nem le-lo pq ele so fica interessante quando se interessa nele
    eu amei (o final é otimo)!

  14. Esse livro é péssimo, NÂO RECOMENDO , você só vai perder seu teempo lendo ele ¬¬’ , mais fazer o que né ? a professora mandou ..

  15. Esse livro e muito chato. Nem sei como uma pessoa pode gosta desse livro. Só to lendo pq a professora pediu…aff´s
    . Esse livro nao tem nada de interessante ( olha que eu gosto de lê ) .!!
    da vontade de pega ele e joga no lixo de tao chato que ele e !!

  16. Sinceramente..eu vi o livro na biblioteca,e reservei.Não tenho muito essa coisa de não gostar de livros.Geralmente eu nunca digo que não gostei,simplesmente vejo que não entendi e deixo de lado.Então mais tarde eu sempre acabo pegando novamente e leio,aí eu entendo.
    Quem diz não gostar é porque não entendeu o recado do autor,é o que sempre digo.
    Se quer ler,tenha paciência,nem tudo é perfeito,mas não é culpa do autor que você pegou o livro fora de seu gosto.

  17. Pessimo, não gostei nem um pouco dele, ja li o resumo dele mas n ajudo nada, tenho prova sexta e ainda nem to na metade q chatice…………..qm fala q ele é bom tem pessimo goso, bjs e nao leiamm, nao percam tempo.

    • Então é por que não entendeu o livro….e vc tbm não deve gostar nem um pouco de ler!! Quem sabe quando vc pegar o gosto pela leitura os livros ficam mais interessantes??
      Esse livro eu já li seis vezes e sinceramente tenho saudades de lê-lo novamente!!! A história é linda!!!

  18. Como alguem pode pedir para um ser humano ler isso é PESSIMOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO!!!!!!!!!!

    PS:NÃO LEIAM ESSE LIVRO,MESMO SE FOREM OBRIGADOS,INVENTEM UMA HISTÓRIAS OU QUALQUER COISA MAS NAÃOOOOOOO LEIAMMMM!

  19. UMA PORCARIA, como alguem consegue escrever um livro desse tipo e ganhar o PRREMIO ASTRID LINDENBERG ??????? NÃO RECOMENDO ! Péssimo. Estou na metade do livro e nao acontece nada a menina continua resmungando da irmã e pescando caranguejo.
    Poupe me vaii.

  20. Fiz o empréstimo desse livro na biblioteca na escola, e AMEI. Também gosto muito de Crepuscúlo, mas ´´e bom variarmos no que lemos para adquirir conhecimento variados. A Sara Louise é uma menina comum, como muitas de nós, que tem seus sentimentos confusos, dentre eles a inveja, o egoísmo…
    O interessante é que ela entende que são sentimentos desonestos para com a irmã.

    Para finalizar:

    A-D-O-R-E-I !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  21. uma MERDA !!!!!!!!!!!!!!!!
    toda veis que eu cato o livro eu ronco de tao chato, v acham certo um gordo nojento chamado calll abusar de uma menina pobre e inocente
    putz coitada

    bejinhos

  22. Que livro ruim!!!!!!!!!!!!
    É o pior livro que já li na vida!!!!!!!!!
    uma menina egoista e burra q morre de inveja da irmã!!!!!!

    livro besta!!!
    esse livro é pessimo!!!!

    e um recadinho pra chata da minha fessora de portugues
    q me fez ler esse livro!!!!!!!!!!!!!!!

  23. Ah gente por favor né? Só quem não sabe ler não entende um livro desse. O livro é lindo! Adorei! É o tipo de livro que num se entende com a razão e com a emoção de sentir oqe a Sara Louise sente, situação muito comum hoje em dia. Eu tenho 16 anos, adorei Crepúsculo, adoro ler a Capricho entre outras revistas, amo livros de aventura, mistério, mais esse é lindo de mais! Amei! R-E-C-O-M-E-N-D-O-!

  24. gente cinseramente…
    minha prof. passou este livro para lermos..
    eu já estou na pag…81
    e naum estou entendendoo NADAAA!!
    este livroo é chatooo e não recomendo para jovens como eu!
    pois tem uma linguagem difícil de ser entendidaaa
    e a históriaa é completamente desinteressante!
    se querem ler um livro bom
    leiam lua nova,ou crepúsculo!!
    maiss eu prefiro ler a caprichoo!
    brigada pela atenção!

  25. O romance Dom casmurro, de Machado de Assis é uma obra épica e extraordinária, onde a história de Bento e o seu pueril amor pela encantadora Capitu. Pena que o desfecho sejha tão patético e inditoso; porém, convem ler esta magnífica obra da literatura brasílica

    • O que dom Casmurro tem a ver com Duas Vidas Dois Destinos, meu Deus??????? Cada doido que me aparece.
      Eu vou ter que ler esse livro pra escola, mas to até com medo. Um diz: “AMEI! Já li 37292749349020274 vezes!” O outro diz: “Uma bosta! Não lê por nada nesse mundo!”
      Tomara que seja bom, né, porque eu adoro ler, mas livro chato que fica enrolando ninguém merece.

  26. O Velho o mar, de Ernest Hemingway, é um livro ágil e extremamente comovente, onde dois vigorosos enredos se entrelaçam e dão vida a uma maravilhosa obra: a aventura marítima de um pescador obstinado a pôr fim numa diuturna fase de caiporismo no trabalho

  27. Assassinos sem rosto, de Henning Mankell, é um romance policial sueco envolvente e assaz misterioso. A morte de um casal de camponeses numa obscura casa campesina de Lenarp, é o tema perfeito para tirar o fôlego de quaisquer leitores

  28. Passsada no princípio da década de 1940, é uma história deveras interessante e fascinante. A protagonista, Sara, conta-nos a sua árdua jornada diária, o seu esforço em tentar fazer o amigo Call gostar das suas piadas e a sua irmã gêmea maçante, Caroline, que quer ser, em tudo, melhor que a irmã Sara. Katherine Paterson escreveu uma história sensacional.

  29. Sara Louise Bradshaw é uma garota sensível, ao contrário da irmã Caroline, guria maçante e convencida. É uma fantástica estória. Merece ser lida.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s